Notícias

Número de pessoas com Bitcoin disparam após o halving

Número de pessoas com Bitcoin disparam após o halving

Antes do halving, o Bitcoin já era bastante conhecido e se mostrava muito interessante e atrativo para as pessoas. Com o avanço de sua popularidade e a pandemia do novo coronavírus, a procura pela criptomoeda explodiu.

 

A empresa especializada em moedas digitais, Glassnode, fez um levantamento do número de carteiras com alguma unidade do Bitcoin depositada nela, comparando entre o halving de maio de 2020, com o mesmo evento que aconteceu quatro anos atrás.

 

Os dados mostram que wallets com saldo abaixo de 0,01 BTCs aumentaram em 235% após o terceiro – e atual – halving de sua história. Endereços entre 0,01 e 0,1 subiram 204%. Carteiras com mais de 0,1 subiram 142%. Até as baleias, que possuem 1 mil Bitcoins ou mais expandiram em 13,2%.

 

Em seu Twitter, a Glassnode divulgou os dados completos:

“A rede Bitcoin tem tido um crescimento imenso desde o segundo halving #BitcoinHalving2020

Addresses > 0 BTC: +235%

Addresses ≥ 0.01 BTC: +204%

Addresses ≥ 0.1 BTC: +142%

Addresses ≥ 1 BTC: +63.2%

Addresses ≥ 10 BTC: +11.2%

Addresses ≥ 100 BTC: -6.3%

Addresses ≥ 1k BTC: +13.2%”.

 

Esse crescimento pode ser a demonstração do início de uma adoção em massa da criptomoeda, em resposta à fragilidade do atual sistema financeiro. Com isso, aumenta a busca por alternativas descentralizadas, democráticas e seguras.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *